Luz


Algumas pessoas são como luz em nossas vidas.

Outras nem tanto.

A paisagem ia passando pela janela do ônibus enquanto ela observava que o cenário se transformava em um borrão.

Cada vez mais perto de casa. O coração cada vez mais esmagado pelos que deixava para trás.

Com os olhos transbordando sentimentos, ela se convence que não é nada. Logo passa.

Ninguém machuca por que quer.

O destino final se aproxima. Ela ajeita os pensamentos. Ensaia um sorriso no rosto e pega um pequeno espelho na bolsa.

Contemplando aquela figura doída a sua frente, repara pela primeira vez que há uma senhora sentada ao seu lado.

Merda.

A senhora finge espiar pela janela, enquanto fala com serenidade.

Passa rápido, né?

Publicado por

Bianca Menti

Se você chegou até aqui procurando respostas, sinto muito, mas eu também não as tenho. (Tampouco acredito que alguém possa nos ajudar neste quesito). O engraçado é que quanto mais certeza eu tenho sobre esse fato, menos medo eu sinto. A vida é mesmo essa inquietude infinita que nos move sem termos muita segurança! Que assim seja, vamos desfrutá-la!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.